Criptomercado Destaques News
single-image

Inglaterra estuda projeto de CBDC e sua possível emissão no país

A nação se une com diversas outras que já se posicionaram a favor, ou até já utilizam CBDC’s em seus domínios

A Inglaterra parece ser mais um país que busca abraçar o criptomercado de alguma maneira, seja por projetos diretos, como por outras vertentes. No caso do país da Europa, a ideia é aderir à uma CBDC. O anúncio foi feito pelo Banco da Inglaterra e o Ministério das Finanças da Grã-Bretanha, que afirmam seus estudos e procedimentos que possam confirmar a emissão da primeira Moeda Digital do Banco Central (CBDC) do país (se direcionando para a Libra Esterlina). Desta forma, a nação se une com diversas outras que já se posicionaram a favor, ou até já utilizam CBDC’s em seus domínios. Mas, mesmo que seja algo visto como positivo pelas instituições citadas, o Banco Central do país disse em seu anúncio que “nenhuma decisão foi tomada sobre a introdução de uma CBDC no Reino Unido”. 

O comunicado também confirma o desenvolvimento de uma “força-tarefa”, que foca em estudar o potencial da CBDC e qual será seu impacto na Inglaterra. “O Banco também criou os fóruns de Engajamento e Tecnologia. Lá, as partes interessadas relevantes da indústria, sociedade civil e academia fornecem contribuições estratégicas e técnicas para o trabalho na CBDC”. Ainda de acordo com o Banco Central, a adesão e conclusão desse processo completo não deve acontecer antes de 2025. “A primeira data para o lançamento de uma CBDC no Reino Unido seria na segunda metade da década”, confirma. O documento também confirma que isso tudo é uma transição que passará por alguns estudos.

“Uma especificação técnica seguiria a consulta explicando a arquitetura conceitual proposta para qualquer CBDC. Isso poderia envolver testes aprofundados do projeto ideal e da viabilidade de uma CBDC do Reino Unido”, detalha o anúncio.

Grande avanço

O processo seria um grande avanço para a Inglaterra e os países que compõem o Reino Unido, já que colocaria as nações no mapa criptográfico mundial. De certa forma, a CBDC ainda é um pequeno passo para um país que busca explorar essas características tecnológicas, mas de certa forma já ajuda no quesito informacional e democrático da moeda. Se o projeto for concluído, é esperado que antes de 2025 o país comece a explorar outras medidas encontradas no mercado financeiro digital.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

VOCÊ PODE GOSTAR