single-image

Indicador que mede volatilidade de mercado.

Quando falamos de análises técnicas, indicadores são peças chaves, entretanto, não tem como definir quais são os melhores, tendo em vista que as análises são pessoais de cada trader. Neste artigo vamos trazer um indicador bastante conhecido entre os comerciantes, denominado como Bandas de Bollinger, elaborado por John Bollinger. Este indicador estima a volatilidade de mercado, ajudando a medir as oscilações.

Como funciona? 

É estabelecido por três linhas, a do meio sendo um SMA, outra banda superior e inferior. As configurações são variáveis, porém, geralmente seguem um padrão,  fazendo que as bandas superiores e inferiores estejam a dois desvios da banda do meio. E de acordo como a volatilidade diminui ou aumenta o espaço entre ambas as linhas, o espaçamento muda também.  

Quando o preço está mais aproximado da linha superior, é provável as condições de sobrecompra da altcoin. Já quando próximo da linha inferior, possivelmente as condições do ativo estará para sobrevenda. 

Os preços tendem a ficar dentro das linhas, no entanto, podem ser ultrapassadas tanto para cima ou para baixo, não sendo uma ocasião de negociação em si, porém,  podendo estar indicando situações extremas do mercado.  

As movimentações das bandas superiores e inferiores sobre a linha média, é um elemento importante do indicador. São úteis para quando os traders estão buscando compreender os passos futuros da volatilidade do mercado. 

Quando a baixa inconsistência do mercado acontece, as bandas ficam próximas uma das outras, conhecido como compressão, ou seja, a medida que as bandas ficam aproximadas é indicação que a potencial de volatilidade futura. Em contrapartida, quando as linhas estão distantes uma da outra, pode significar que ocorrerá períodos de diminuição da volatilidade. 

Exemplo:

 

Podemos observar no exemplo acima, analisando o Bitcoin no gráfico de 1 hora. Quando o mercado fica lateralizado, o volume de negociação diminui, e as bandas superiores e inferiores ficam mais próximas uma da outra (compressão). Quando o mercado rompe e assume uma tendência de alta ou baixa, geralmente há um aumento no volume e um distanciamento das bandas. As bandas inferiores e superiores podem ser usadas como bom ponto de compra e venda respectivamente, pois, são pontos de suporte e resistência.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

VOCÊ PODE GOSTAR