Bitcoin Criptomercado News
single-image

Carteira Chivo tem aceitação popular em El Salvador

El Salvador é o país que mais fomentou o criptomercado na América no ano de 2021, sendo esse um grande avanço para a economia continental

 

Apesar das notícias mais recentes sobre a implantação do Bitcoin (BTC) em El Salvador, que envolvem protestos populares contra a adesão, o país parece estar caminhando para um trajeto interessante. Isso diz respeito à Carteira Chivo, que recebeu cerca de um terço da população local nas últimas três semanas. De acordo com o presidente Nayib Bukele, é esperado que mais pessoas comecem a atuar com a carteira. Vale lembrar que El Salvador é o país que mais fomentou o criptomercado na América Central no ano de 202. Esse é um grande avanço para a economia continental.

Como comentamos, as medidas recentes de Bukele receberam algumas críticas, vinda da população em geral, mas isso não impediu o avanço do criptomercado no local, que começou a aceitar legalmente o BTC no dia 07 de setembro. Com a legalização em curso, o presidente do país fez um movimento que fornecia um retorno de US$ 30 do criptoativo para quem fizesse o download do aplicativo da carteira Chivo de antemão. Isso ajudou a popularizar a proposta. Além disso, também mostrou que a inserção do BTC em El Salvador não era apenas um plano, mas sim uma realidade.

Mas como a população tem visto esta ação?

Como acontece em algumas situações, o aplicativo teve um lançamento problemático por causa de alguns problemas técnicos. No entanto, os mesmos foram contornados, mostrando que esses empecilhos não atrapalharam a adesão observada. Como Bukele adotou uma personalidade que preza muito pela comunicação constante, a população abraçou a proposta por ter sempre em mãos as notícias que precisam para se acostumar com a circulação do Bitcoin em sua rotina. O presidente fez um anúncio neste último sábado (25/09), falando que cerca de 2 milhões de pessoas estariam utilizando os serviços da plataforma.

Por fim, o político comentou que, mesmo que o período de análise seja bem curto, a carteira mostra números bem expressivos. “[A carteira] tem mais usuários do que qualquer banco em El Salvador e está se movendo rapidamente para ter mais usuários do que todos os bancos em El Salvador juntos”, salientou. Com esse passo importante, basta esperar para analisar qual será a aceitação popular para os próximos meses. Isso porque essa aceitação depende inteiramente do andamento e prosperidade da Chivo em El Salvador.

Leia também:

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

VOCÊ PODE GOSTAR