Análise de Mercado Research
single-image

BTC: análise de mercado – 07/02/2022

Na análise de BTC do dia 26 de janeiro, pesquisamos e comentamos sobre o comportamento das movimentações do gráfico, bem como as regiões de liquidez e os prováveis movimentos futuros. Agora, é importante analisar o contexto atual do criptomercado, comparando as semanas e observando as tendências atuais e futuras.

btc
Após essas duas semanas, conseguimos presenciar um movimento de impulsão do
Bitcoin (BTC) a fim de testar/romper a região dos US$ 45 mil. Esse impulso aconteceu no dia 04 de fevereiro com um “candle” de grande volume financeiro (visto pelo gráfico de tempo diário). Isso resultou no rompimento da linha de tendência de baixa (e parte superior do canal de baixa), entrando em uma zona de conflito (acumulação). A partir de agora, observamos a zona de conflito e o comportamento do preço dentro da mesma pois essa região contém bastante liquidez, resultando em alta volatilidade ou impulsão do preço, seja para novo movimento de queda ou maior correção.

O fato de termos o rompimento do canal de baixa é otimista, porém, é válido lembrar sobre as nuances do preço. O mercado anda em ondas e, para termos a confirmação de qualquer movimento, precisamos de volume financeiro alto no rompimento de extremidades e um reteste na mesma zona para uma entrada mais segura. Com o auxílio de médias móveis e outras ferramentas, é possível fazer entradas mais seguras, mas lembrem-se, o preço sempre irá buscar regiões de liquidez em suas correções e impulsões.

Veja mais em O Monetário

(Não orientamos a compra de ativos, apenas apresentamos um cenário de probabilidades de mercado)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

VOCÊ PODE GOSTAR