Criptomercado Destaques News
single-image

Gana pretende disponibilizar moeda digital offline

O E-Cedi também deve facilitar as transações sem a necessidade de conectividade ou energia através do Banco Central de Gana

O Banco Central da Gana (BOG) anunciou no início deste ano a criação da sua própria CBDC. Chamada de E-Cedi, a moeda digital ganense é semelhante ao dinheiro fiduciário, ou seja, as instituições financeiras, como startups de fintech, podem criar um valor com base nela. Agora, procurando avançar no desenvolvimento da moeda digital, o banco está procurando tornar o E-Cedi disponível para seus usuários de forma offline. De acordo com o diretor de inovações do BOG, Kwame Oppong, a moeda também deve facilitar as transações sem a necessidade de conectividade ou energia. “O que esperamos é que o E-Cedi também seja capaz de ser usado em um ambiente offline por meio de alguns cartões inteligentes”, explicou.

Essa proposta está surgindo porque, embora a maioria da população (cerca de 84%) tenha acesso à eletricidade, apenas metade dessa quantidade tem acesso à internet. Dessa forma, a falta de acesso obrigou o Banco Central a buscar uma solução para essa problemática. O BOG estava planejando o lançamento da moeda para setembro deste ano. Entretanto, ainda que não haja confirmação do ocorrido, o banco ganense está procurando esclarecer todos os problemas regulamentares. Assum, buscando garantir que a moeda esteja disponível aos usuários em breve. 

Conforme anunciou o governador do Banco Central, Ernest Addison, o CBDC se encaixa no seu objetivo de manter a posição do BOG como líder na África quando se trata de abraçar tecnologias financeiras emergentes. Caso o lançamento do E-Cedi seja bem-sucedido, o BOG será um dos primeiros bancos centrais do continente africano a realmente lançar uma moeda digital.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

VOCÊ PODE GOSTAR