Blockchain Educação Tecnologia
single-image

Armazenamento indefinido de dados por meio da Arweave

A proposta se define como um disco rígido de propriedade coletiva que hospeda a chamada web permaweb

Um dos grandes assuntos que comentamos em matérias anteriores do nosso portal é sobre o armazenamento de dados, que pode ser em “nuvem” que é um dos passos mais revolucionários do setor tecnológico, ou feito de outras maneiras. A Arweave (AR) apresenta uma proposta bem interessante ao setor dos criptoativos, sendo uma rede que atua com um armazenamento descentralizado que foca em guardar dados de forma indefinida. A proposta se define como um disco rígido de propriedade coletiva que hospeda a chamada Permaweb. Essa rede é permanente e com viés descentralizado, atuando com aplicativos e plataformas que são voltadas para seus fiéis usuários. Essa rede também se apresenta com um criptoativo, chamado de AR, fazendo sua função principal.

De princípio, a Arweave foi desenvolvida como uma liderança centralizada. No entanto, ao mesmo tempo lançou uma Organização Autônoma Descentralizada (DAO) em 2020 para ajudar na expansão e desenvolvimento de seus processos. Mas ao contrário do Bitcoin, a Arweave conta com um Yellow Paper, que mostra a grande capacidade técnica de coleta de dados e compartilhamento de informações que a proposta propõe ao setor. Isso, portanto, já é uma garantia por causa da Permaweb, que desenvolveu-se em cima de uma Blockweave da solução. Isso consiste em uma variação tecnológica da Blockchain em que cada bloco se vinculará ao anterior e também em um outro aleatório.

Mas e como isso afeta os mineradores?

A proposta conta em seu documento que esse tipo de movimento dentro da Blockchain é uma maneira de incentivar seus mineradores, que por causa disso irão armazenar mais dados do que seria capaz. Isso facilita no acesso de blocos aleatórios, ajudando na adesão de outros novos. Além disso, geram-se recompensas, que é algo bem recorrente dentro do setor dos criptoativos. Seguindo uma tendência mais recente, a Arweave quer ter em sua rede um ecossistema sustentável. Vale lembrar que isso já virou foco de debate ainda em 2020 por causa de tokens que geram participação em lucros do protocolo. Esses tokens ajudariam no recebimento de dividendos no momento em que ocorre a geração de taxas na rede, assim, essa solução ajudaria na construção de arestas e aplicações dentro da Permaweb.

Além disso, a Arweave é uma grande aliada das startups, já que desenvolveu um projeto de parcerias chamado de “Boost”. Esse programa auxilia no armazenamento gratuito dessas marcas. Dessa forma, ele propõe também um maior acesso para investidores do setor, criando assim uma grande ligação entre áreas da economia. A Arweave é uma proposta emergente bem visada por esses fatores. Ou seja, não é à toa os investimentos que já recebeu de grandes empresas como a Andreessen Horowitz. Desta forma, a proposta une o revolucionário com o novo, mostrando outra forma de armazenar dados sem a preocupação do quanto é possível e o que isso pode prejudicar em ações futuras da rede.

Leia também:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

VOCÊ PODE GOSTAR